A consolidação do campo literário cearense e do público leitor em fins do século XIX: o caso da Padaria Espiritual e outros grupos de homens de letras / The consolidation of the cearense literary field and the public reader in the end of the 19th Century: the case of the Padaria Espiritual and other groups of men of letters

Luciana BRITO, Ricardo Ferreira MARTINS

Resumo


Em fins do século XIX, em um contexto de declínio econômico e político do Ceará – assim como de todo o Norte e Nordeste brasileiro –, a despeito dos recursos cada vez mais escassos, registrou-se uma atividade artística intensa e fecunda, principalmente a literária, em Fortaleza. Grupos de intelectuais e homens de letras concorreram entre si na fundação de agremiações, movimentos literários, espaços de sociabilidade artística, intelectual e até científica, onde discutiam assuntos os mais variados, em particular os literários. A literatura, dessa forma, assumiu papel central na criação de uma atmosfera e na constituição de um verdadeiro campo literário, o que permitiu a acumulação do capital simbólico em forma de habitus e o escritor tivesse considerável protagonismo social na formação de um público leitor. Neste artigo, procura-se investigar como tais grupos de homens de letras, em particular o movimento da Padaria Espiritual, foram de extrema importância para a história da literatura cearense, devido à manutenção de revistas e jornais literários veiculados por essas agremiações.


Palavras-chave


Campo literário. Capital simbólico. Imprensa. Literatura Cearense. Homens de letras.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

 

Centro de Documentação e Apoio à Pesquisa Av. Dom Antônio, 2100 - Pq Universitário

CEP - 19.806-900 - Assis - SP - Brasil
Telefone (18) 3302-5835
e-mail: patrimonioememoria@gmail.com
http://www.cedap.assis.unesp.br

Indexadores


Portal RedibLatindexDiadorimHarvard Library

Periodicos Capes

SHERPA/RoMEOEBSCOPKP logo
SEERDialNetOAJIEZB
erihplus