A presença do exílio na literatura quebequense: escrita migrante e autonarração / The presence of the exile in the literature of Quebec: migrant writing and self-narration

Luciano MORAES

Resumo


O presente trabalho tem por objetivo explorar o tema do exílio na literatura quebequense contemporânea, sob o viés da escrita migrante e da autonarração empreendida por escritores exilados, com vistas a verificar as relações que se estabelecem entre os eixos coletivo e individual e suas implicações no contexto das literaturas transnacionais. Tomando como ponto de partida autores que pensam o lugar do sujeito imigrante no sistema literário do (no) Quebec, dentre os quais Pierre Nepveu, serão abordados os elementos fundadores da escrita migrante e o contexto de difusão da obra de escritores vindos de longe. Para exemplificar esse universo e aprofundar sua análise, será focalizada a obra de Dany Laferrière em suas dimensões autobiográfica, fragmentária e transnacional a partir de alguns de seus textos considerados referenciais, nos quais o pacto romanesco dá lugar à autonarração e à problematização das identidades em trânsito na contemporaneidade.


Palavras-chave


Exílio. Literaturas migrantes. Escritas de si. Autonarração. Literatura quebequense. Dany Laferrière.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

 

Centro de Documentação e Apoio à Pesquisa Av. Dom Antônio, 2100 - Pq Universitário

CEP - 19.806-900 - Assis - SP - Brasil
Telefone (18) 3302-5835
e-mail: patrimonioememoria@gmail.com
http://www.cedap.assis.unesp.br

Indexadores


Portal RedibLatindexDiadorimHarvard Library

Periodicos Capes

SHERPA/RoMEOEBSCOPKP logo
SEERDialNetOAJIEZB
erihplus