A Comissão Nacional da Verdade, a disputa da memória sobre o período da ditadura e o tempo presente / The national truth commission: debates on reminiscences on the brazilian dictatorship period and the present

Reginaldo Benedito DIAS

Resumo


Em maio de 2012, a presidenta Dilma Roussef nomeou os membros da Comissão Nacional da Verdade, dando providências à Lei 12.528/2011. O ato oficial ensejou o avivamento, sobretudo nas comunidades de interesse, dos debates acerca das violações aos direitos humanos cometidas durante a ditadura instaurada em 1964. Trata-se, entretanto, do capítulo mais recente de um embate iniciado ainda durante a ditadura, signo da longa e inconclusa transição brasileira. O presente artigo tem a finalidade de analisar as disputas a respeito da instalação, da pauta e dos trabalhos da Comissão Nacional da Verdade e inseri-las em uma perspectiva de média duração. Investiga-se como dois polos do processo, as corporações militares e os movimentos de familiares de mortos e desaparecidos, informam suas ações e manifestações em uma disputa de memória que remete ao auge da ditadura. Investiga-se, também, como o governo federal vem produzindo uma narrativa oficial sobre o processo.

 


Palavras-chave


Comissão Nacional da Verdade. Ditadura civil-militar brasileira. Direitos humanos.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

 

Centro de Documentação e Apoio à Pesquisa Av. Dom Antônio, 2100 - Pq Universitário

CEP - 19.806-900 - Assis - SP - Brasil
Telefone (18) 3302-5835
e-mail: patrimonioememoria@gmail.com
http://www.cedap.assis.unesp.br

Indexadores


Portal RedibLatindexDiadorimHarvard Library

Periodicos Capes

SHERPA/RoMEOEBSCOPKP logo
SEERDialNetOAJIEZB
erihplus